– root@injetionsec:~#

Acordo Dilma e Mark Zuckerberg concentra o tráfego da rede e pode violar Marco Civil

15.04.2015 (2:05 pm) – Filed under: Noticias ::

oijl

Quem acompanha as notícias já esta ligado nessa , o acordo, firmado diretamente entre a presidente Dilma Rousseff e Mark Zuckerberg, dono do Facebook, na Cúpula das Américas.

Tem poucas informações sobre o plano firmado, mas sabemos que ele passará a vigorar em Junho de 2015 e que há um projeto piloto em Heliópolis, São Paulo. Por outro lado sabemos que a empresa em questão vive da violação da privacidade das pessoas.

Você sabia que o botão de “curtir” monitora sua navegação na internet mesmo não estando logado? E posteriormente envia todos os sites que você acessou para o Facebook? Que quando você apaga uma atualização do status antes de torná-la pública, o Facebook faz automaticamente uma cópia (isso eles chamam de evitar a “auto-censura”)? Ou ainda que ele não deleta as imagens e mensagens que ele diz deletar? Ou mesmo você, que não possui uma conta no Facebook, tem seus dados coletados para produção de perfis sombras?

Razões não faltam para deletar a sua conta de Facebook. Quando o ativista e desenvolvedor do Projeto Tor, Jacob Applebaum certa vez chamou o Facebook de Stasibook, numa referência à polícia secreta da Alemanha Oriental, era pela razão de que a mesma ideia aqui se aplica: o Facebook é uma plataforma de vigilância onde uma pessoa vigia a outra e o Zuckerberg, vigia à todos/todas. Diante disso, imagine ceder os históricos de navegação de milhões de pessoas para o Facebook. Uma situação castastrófica para a privacidade no Brasil.

Fonte: cryptorave